Yoga Nidra: O Que é e Como Praticar a Técnica Completa

Hello, amores!


Vocês já devem estar cansadas de saber que autocuidado, não é somente a aplicar o skincare. Apesar desse cuidado ser SUPER importante para a nossa saúde — e caso vocês queiram seguir o passo a passo desse método, é só acessar este artigo —, existem infinitas formas de manter a atenção conosco em dia.


Uma delas é a prática do Yoga, uma forma de meditação benéfica tanto para nosso corpo quanto mente. A parte interessante deste exercício milenar, é que existem diversas modalidades, como o Yoga Nidra. Ficaram curiosas para saber mais? Então bora lá, que eu vou explicar direitinho o que é esse estilo de prática meditativa e quais são todas as suas técnicas!

Yoga Nidra: O que é?

A modalidade Yoga Nidra é, nada mais nada menos, do que uma forma de meditação que provoca um intenso relaxamento físico e mental, voltada estritamente para diminuir a ansiedade e a tensão, alcançando o nosso ponto de equilíbro. Essa técnica pode ser chamada de Sono do Yoga, Sono Yogui, Yoga do Sono ou Yoga do Sonho. 


Neste caso, meninas, a meditação Yoga Nidra é diferente de um simples momento de meditação (onde o foco está direcionado para somente uma coisa) porque é um meio termo entre o sono e o estado de vigília. Ou seja, enquanto busca contato com o seu eu interior, o praticante entra em um nível de relaxamento profundo mas, ao mesmo tempo, ainda está bastante consciente do mundo exterior.

Yoga Nidra: Relaxamento Profundo

Para entender o porque desse relaxamento profundo acontecer, vamos voltar para as nossas aulas de biologia e relembrar o funcionamento de nosso cérebro. Nosso órgão funciona através de impulsos elétricos chamados sinapses, que são medidos por frequências de ciclos ou ondas hertz. Ao todo, são quatro frequências que mudam de acordo a nossa atividade cerebral:


  • beta (13 e 30 hertz/segundo) - o mais alto nível de atividade cerebral. É quando estamos despertos e alertas, de forma que percebemos o espaço e o tempo.
  • alfa (7 e 13 hertz/segundo) - estado seguido do sono, adequado para meditação. Nossa capacidade de memorização e intuição aumenta.
  • theta (4 e 7 hertz/segundo) - atividade ao nível do sono, em um estado profundo de relaxamento. É o momento adequado para meditações profundas e conexão com a nossa parte inconsciente.
  • delta (1 e 4 hertz/segundo) - é a frequência do sono profundo, onde nossas atividade cerebral está no mais baixo nível e o subconsciente está ativo. É o momento em que são feitas as regenerações celulares e os demais processos de cura do corpo.

O que acontece é que durante a caminhada ao Yoga Nidra, o nosso cérebro reduz as frequências de suas ondas chegando as ondas delta (ao mesmo tempo em que permanece desperto). Quando isso acontece, o praticante do yoga nidra consegue reprogramar a própria mente, ao ser guiado pelos estados de consciência.

Yoga Nidra: Passo a Passo

A prática do Yoga Nidra não precisa de técnicas complexas, amores. Na verdade, sozinhas ou com o auxílio de um professor, qualquer pessoa consegue chegar ao estado ideal de Yoga Nidra, conhecendo o passo a passo. Para isso, é preciso que mente e corpo trabalhem em sintonia. 


Antes que iniciem, é preciso que certificar que o local escolhido para a prática seja sem interrupções e muito tranquilo. Vocês devem estar confortáveis, portanto, um tapete (cobertor) e travesseiro podem ser necessários. Deitem-se com braços ao lado do corpo e pernas levemente separadas, respirem bem fundo e sigam os seguintes passos:


  • Feche os olhos e perceba o seu corpo: a ideia é focar em si e esquecer o mundo lá fora. Pense no seu maior desejo, no momento. Se imagine vivenciando esse desejo com todo o corpo.

    • Tome algumas inspirações e expirações profundas. Lembre-se de tomar respirações bem lentas.

      • Defina mentalmente algo que te traga calma. Imagine uma pessoa, um lugar ou algo que traga a sensação de segurança.

        • Escaneie cada parte de seu corpo. Passe pelos pés, pernas, joelhos, quadril e todas as outras partes. Pense num raio energético passando por cada parte conforme imagina.

          • Sinta a sua respiração. Entenda sua respiração acontecendo, sinta-a sem querer controlá-la.

            • Perceba bem cada pensamento que vem à mente. Não julgue as lembranças ou momentos que vierem à mente, apenas sinta e dê boas vindas a tudo que vem à mente.

              • Agora, lentamente tornando-se consciente do seu corpo e do ambiente em sua volta, vire para o seu lado direito e continue deitado por mais alguns minutos.

                • Na medida que a prática termina, reflita sobre o que você acaba de vivenciar. Agradeça sobre tudo o que você conseguiu. Sinta a energia positiva.

                  • Agora, finalize sem pressa e tranquilamente. Abra os olhos, sente-se ou levante-se quando se sentir confortável.

                    De acordo a alguns estudos, uma hora de Yoga Nidra durante o dia corresponde a quatro horas de sono durante a noite. Ela pode ser praticada várias vezes durante a semana (e outras vezes durante o dia). Praticando assiduamente, seu corpo terá uma constante sensação de completo repouso, seja mental, físico ou emocional.

                    Benefícios da Yoga Nigra

                    A prática regular da técnica Yoga Nidra oferece diversos benefícios para a saúde, meninas, seja prevenindo ou curando doenças. Dentre os principais deles, estão:


                    • alívio de estresse e irritabilidade
                    • alívio de pressão alta
                    • aumento de produção de células que combatem doenças infecciosas
                    • melhora da qualidade do sono
                    • prevenção de doenças cardiovasculares
                    • prevenção de doenças psicossomáticas
                    • tratamento de esclerose múltipla
                    • tratamento de insônia

                    Pelo alcance do equilíbrio mental, o Yoga Nidra também auxilia na transformação de hábitos negativos, comportamentos e formas de pensar, devido ao constante estado de repouso de nosso corpo e mente, transmitindo a tranquilidade e serenidade necessárias para analisar o todo. Essa prática é uma maravilha, não é mesmo, amores?


                    E aí, meninas? Vocês já conheciam a Yoga Nidra? E quais outras modalidades de Yoga vocês já conhecem? Compartilhem com a gente nos comentários e até o próximo artigo!

                    Deixe um comentário

                    Nome .
                    .
                    Mensagem .