🚚 ENVIAMOS PARA TODO BRASIL | 🎁 FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$ 130,00 | 💳 PARCELE SUA COMPRA EM ATÉ 3X S/ JUROS

Entenda os sintomas da alergia a desodorante e seus tratamentos

A alergia a desodorante pode ser bem incomoda, causando coceira, manchas vermelhas e sensação de queimação na área.

Esse tipo de reação adversa ocorre principalmente com a utilização daqueles produtos que possuem parabenos, álcool e algumas fragrâncias.

Pensando nisso, preparamos para vocês um conteúdo super especial sobre essa alergia. Vamos falar sobre os principais sintomas e como ela pode ser tratada. Continue a leitura e confira a seguir!

O que é a alergia a desodorante?

Ela é uma reação inflamatória do organismo a uma substância presente na composição do desodorante ou antitranspirante.

Geralmente, isso ocorre por conta de alguns dos componentes serem usados de maneira errada na fórmula do item — como o cloridrato de alumínio — ou por intolerância da pele em relação a um dos ingredientes.

Essa maior sensibilidade da derme também pode ser causada por diversos fatores, como uma depilação feita por lâminas ou até as condições climáticas (calor excessivo). Outras causas possíveis para isso são:

  • Muita transpiração;

  • Atrito da região com tecidos;

  • Ressecamento da área.

Como a axila é uma região de dobra do nosso corpo, as irritações são ainda maiores e causam muito desconforto durante o dia.

Além desses, existem outros diversos sintomas causados pela alergia que podem chegar a problemas mais graves, como o surgimento de bolhas.

Com toda a certeza vocês não gostariam de passar por isso, não é, meninas? Então vamos ver quais são os sinais dessa alergia e como tratar eles

Quais são os sintomas da alergia?

Os sintomas mais comuns dessa reação alérgica são aquela desconfortável sensação de queimação na pele e uma grande vermelhidão da área.

Mas existem vários outros como: caroços, coceira intensa na região, descamação das axilas (acontece apenas em alguns casos), surgimento de manchas vermelhas na pele e bolhas.

Em situações graves de pessoas com alta sensibilidade, podem aparecer: inchaço no rosto, língua ou olhos, além de dificuldade em respirar.

Quando ocorrem esses casos, é necessário ir ao hospital imediatamente para receber algumas medicações na veia, como um corticoide ou um anti-histamínico. Esses remédios são usados para evitar uma parada respiratória, por exemplo.

Eles podem surgir logo após aplicar os produtos ou até mesmo horas depois, conforme acontece a transpiração.

Isso significa que existem fatores que aumentam a velocidade com que os indícios da reação aparecem, como o alto calor e o suor excessivo ao usar roupas quentes. Muita atenção!

Como tratar a alergia a desodorante?

Se identificar alguns desses sintomas, suspenda o uso do produto imediatamente, tá? É importante também procurar um dermatologista para indicar qual o melhor tipo de tratamento para o seu caso e o melhor tipo de desodorante para a sua pele, evitando a recorrência desse problema.

Só que, às vezes, é necessário tomar algumas medidas rápidas para não agravar a situação. Confira aqui alguns passos que você pode seguir para tratar os sinais mais leves da alergia:

1. Lave a região

A primeira coisa que deve ser feita é lavar a região das axilas com muita água e usando sabão com pH neutro.

Esses itens vão ajudar a limpar a pele das substâncias que possivelmente foram a causa da reação e diminuir os seus efeitos. Assim, você pode seguir para o próximo passo e deixar suas axilas bem hidratadas.

2. Aplique produtos calmantes na área

Produtos calmantes e hipoalérgicos, como loções e cremes hidratantes, são grandes aliados nesse momento. Utilize para hidratar e acalmar a pele irritada, ajudando assim a reduzir os efeitos da reação.

A dica aqui é usar itens que possuem em sua fórmula elementos como a camomila, a alfazema e a babosa. Eles são naturais e vão garantir ótimos resultados no tratamento da irritação causada na derme.

3. Use compressas de água fria

A boa e velha compressa de água fria é uma grande aliada nesses casos, ela ajuda a diminuir a irritação e a sensação de queimação nas axilas.

Então meninas, preparem as suas compressas com uma água fresquinha e coloquem na região por um tempo. Além disso, mantenha a região bem arejada, usando roupas de tecidos leves como o algodão.

Seguindo esses passos, em cerca de 2 horas os sintomas devem sumir. Porém, se isso não acontecer e eles acabarem piorando, é super importante procurar um médico. E caso apareça a dificuldade de respirar que falamos antes aqui, corra imediatamente para o hospital.

O acompanhamento de um dermatologista é essencial nessas horas: ele pode indicar o que deve ser feito para tratar de forma eficiente e recomendar até mesmo alguns cosméticos naturais que vão ajudar a cuidar da sua derme.

Qual o tipo ideal de desodorante para quem tem alergia?

Os melhores itens para quem tem uma pele mais sensível e sofre com as reações alérgicas frequentemente são aqueles que contam com uma fórmula livre de alumínio, parabenos e outras substâncias irritantes.

Ou seja, os produtos hipoalergênicos, desenvolvidos com ingredientes totalmente naturais e que não causam reações na pele.

Geralmente, as opções sem perfume também são uma boa escolha. A alergia pode ser causada pelas fragrâncias em alguns casos.

Então, identifique se você possui uma pele sensível e procure pelos produtos ideais para o seu tipo de derme, sempre contando com a ajuda de um médico.

Gostaram do conteúdo, meninas? Viram só como é simples cuidar das axilas e evitar os problemas?

Mas é sempre bom estar atenta, pois mesmo a maioria dos casos sendo leves, alguns podem evoluir para quadros mais graves e causar grandes problemas.

Continue navegando em nosso blog e confira outros diversos posts, por exemplo, sobre a bromidrose axilar: o que é, como tratar e muito mais!

Deixe um comentário

Nome .
.
Mensagem .

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

✔️ Produto adicionado com sucesso.