CLORIDRATO DE ALUMÍNIO: Você sabe tudo sobre ele?

Ao longo do dia, nós mulheres usamos mais de 20 cosméticos, usamos: xampu,condicionador, maquiagem, pasta dental, batom, creme, sabonetes, desodorantes,  tudo isso ao longo de anos e anos…

Olá meu nome é Isa sou formuladora e desenvolvedora de cosméticos naturais.

 

Hoje posso afirmar: não fazemos a mínima ideia de quais substâncias estamos passando em nosso corpo. O que mais me assusta é um cosmético em específico, porque o usamos todos os dias e a principal substância presente nele (cloridrato de alumínio) é objeto de estudos ligados ao Câncer de Mama.

Como desenvolvedora venho estudando e pesquisando há anos os mais diversos tipos de substâncias que estão presente nos cosméticos. Muitas vezes escolhemos nossos cosméticos pelo cheiro, marca, embalagem, sem nem mesmo pensar ou levar em consideração as substâncias que os compõem.

Mas, como isso afeta a saúde de nós mulheres?
Que substâncias são essas?
Qual produto que eu uso todos os dias, pode fazer mal para a minha saúde?

 

Essas perguntas começaram a fazer sentido pra mim quando, em 2015, me deparei com essa manchete:

 

Era um ano de mudança na minha vida. Sou administradora e havia acabado de sair de um grande banco, onde trabalhei por cinco anos. Decidir sair do local em que trabalhei por tanto tempo foi difícil. 

Foi um período bastante estressante com cobranças e metas em cima de metas. Eu havia chegado em meu limite. Aquele não era o meu propósito de vida, não queria aquilo para mim. O que eu desejava era uma vida saudável, equilibrada e alegre.

 

Passava por um processo de autoconhecimento.

A preocupação em ter uma vida saudável, além da beleza, é uma certeza que carrego comigo, desde aquela época de tantas dúvidas. Naquele período de transição, tive ajuda de uma coaching e acabei fazendo outra graduação em farmácia… Me realizei! E, foi graças a esse curso que me encontrei nos cosméticos, pois entendi a importância de cada substância que passamos no nosso corpo.

Durante a graduação em farmácia, tive uma matéria chamada Farmacotécnica e comecei a entender como cada substância age no nosso corpo e como isso pode afetar a nossa saúde.

Meninas, eu fiquei chocada com a  quantidade de substâncias nocivas presentes nos cosméticos convencionais.

 

 

Eu já tinha ouvido falar sobre o efeito agressivo que os cosméticos convencionais poderiam ter em nosso corpo. Na época, o produto que mais me assustou foi o Desodorante Antitranspirante, porque o usamos todos os dias. A partir daí fui descobrir o mal que ele nos causa.

 

Eu já tinha ouvido falar que ele continha substâncias tóxicas em sua composição, mas até então eu não havia dado muita importância. Até que entendi como o Desodorante Antitranspirante age no nosso organismo e o porquê do mal causado à nossa saúde:

  • O Desodorante Antitranspirante tem como principal função bloquear as nossas glândulas sudoríparas.
  •  O Desodorante Antitranspirante tem como principal função bloquear as nossas glândulas sudoríparas; 
  • A Glândula Sudorípara é responsável pelo suor;
  • O suor tem entre suas principais funções: eliminar substâncias tóxicas;regular a temperatura corporal; e realizar a manutenção da pressão arterial do nosso corpo.

 

Nosso corpo foi feito de forma perfeita, cada órgão, glândula e célula têm uma função, para que, assim, o todo fique em harmonia.

 

Veja na imagem como o Anti-transpirante age:

________________________________________________________

Com uma promessa de 72 horas de “proteção”

CLORIDRATO DE ALUMÍNIO

A substância responsável por essa ação bloqueadora do suor é o Cloridrato de Alumínio. Em estudo realizado pela Universidade de Genebra, cientistas pesquisaram a relação entre o Câncer de Mama e o Cloridrato de Alumínio, principal substância encontrada nos Desodorantes Convencionais.

Desodorante com alumínio causa câncer?

Você deve estar tão pasma quanto eu, né?! Se perguntando se o desodorante com alumínio causa câncer… A resposta assusta, pois conforme os pesquisadores, o Cloridrato de Alumínio foi encontrado em grande quantidade em células mamárias com câncer. 

O estudo, ainda, expôs tecidos de células mamárias ao cloridrato de alumínio, cerca 1500 a 100.000 mil vezes em quantidade menores das quais nós somos expostos diariamente pelos desodorantes antitranspirantes que usamos. Essas células expostas ao alumínio tiveram comportamento de células tumorais via transformação maligna.

(Se você quer conferir o artigo inteiro sobre o estudo, vou deixar o link no fim deste post!)

A pesquisa foi realizada em 2012, e nas palavras do Doutor Stefano Mandriota PHD e coordenador, se chegou  à seguinte conclusão:

 

”Embora este estudo não permite dizer que os sais de alumínio presentes em desodorantes convencionais, causam o desenvolvimento de câncer de mama, é uma prova científica da nocividade destes sais de alumínio em células mamárias”.

 

O que é e para que serve o Cloridrato de alumínio? 

Agora que você sabe dos perigos desta substância e do que pode causar em nosso organismo, é importante saber o que é Cloridrato de Alumínio e o motivo de ser tão usado na indústria de desodorantes: essa substância é um componente extremamente barato, que serve como criador de “camada”, na zona aplicada impedindo o suor de sair do organismo. Porém, não de uma forma benéfica, pois acaba por prejudicar o corpo que está impedido de transpirar. 

Por ser muito barato, usá-lo e muito lucrativo às grandes empresas de desodorante e antitranspirante, o que causa sua comercialização em grande escala. 

Além do uso em desodorantes, há o cloridróxido de alumínio para hiperidrose que é muito utilizado por pessoas que possuem essa doença ou os cremes para suor no rosto. Se você está se perguntando como cada um desses produtos funciona, nós explicamos para você:

Cloreto de alumínio hexahidratado

 O cloreto de alumínio hexahidratado, também conhecido como cloreto de alumínio para suor, é usado em cremes ou desodorantes para o tratamento de hiperidrose, casos de pessoas suam muito, e bromidrose, quando o odor, causado pelo suor, é excessivo.

Ele é mais concentrado, por isso os médicos e farmacêuticos indicam que seja aplicado somente uma vez ao dia, durante a noite. Esse “remédio” promete o desaparecimento de grande parte do suor por dias. Mas, nós já sabemos o que ele causa nas nossas células, né meninas?!


Cloridróxido de alumínio para rosto

Pode parecer incomum, mas há pessoas que suam muito na região do rosto. As empresas se aproveitam disso e desenvolvem fórmulas para cremes que prometem “resolver” o problema do constrangimento. Afinal, ninguém gosta de suar muito. 

 

Mas, da mesma forma que os demais produtos que contém o alumínio, ele pode causar mais mal para o nosso organismo do que bem. Porém, não são só esses os produtos que usamos achando que estamos resolvendo um problema, sem saber que na verdade estamos criando outro.

 

Hidróxido de alumínio

 

Outro “remédio” que é muito comum no mercado brasileiro e que muitas pessoas fazem uso sem conhecer os perigos da substância em nosso organismo é o Hidróxido de alumínio. Ele é muito utilizado  no tratamento da azia ou queimação decorrente de hiperacidez gástrica. Porém, por mais que prometa solucionar os problemas, ele causa enormes impactos na nossa saúde.  

 

Entre seus efeitos colaterais que são comprovados cientificamente, sem falar nas células cancerígenas, estão: distúrbios do sistema imunológico, constipação e, em pacientes com comprometimento renal crônico, pode provocar osteomalácia ou doença óssea adinâmica, encefalopatia, demência e anemia microcítica.

 

Quando eu tive conhecimento disso tudo, decidi buscar alternativas naturais para não usar nunca mais um antitranspirante convencional ou produtos que tenham como base o Cloridrato de alumínio. Tentei usar receitas caseiras como leite de magnésia e óleo essencial, mas não deu muito certo, manchava as minhas roupas, não segura o mal cheiro, além de dar muito trabalho para fazer. Assim, fui intercalando um dia sim outro não, o uso do antitranspirante com o leite de magnésia.

 

Até encontrar uma outra alternativa comecei a procurar por uma opção que fosse realmente natural. Mas, mesmo assim, em todos os que eu usei e se diziam naturais, seja roll-on, pasta ou pomada, eu lia em sua composição o Cloridrato de alumínio.

 

Além disso, nas poucas marcas de desodorante natural que encontrei, nenhuma segurava realmente o cecê. Nesse meio tempo, aprofundei ainda mais meus conhecimentos no mundo dos cosméticos e não tive dúvida: o primeiro produto que eu iria desenvolver seria um desodorante natural que funcionasse. 

 

Aprendi a desenvolver meus primeiros produtos na faculdade de Farmácia. Eu buscava uma fórmula única, não queria nada caseiro, queria que tivesse tecnologia, mas que fosse natural de verdade e sem nada de origem animal, completamente vegano.

 

Nossa como eu fiz testes, minha mãe e minhas amigas que o digam,  todo mundo virou testador oficial de desodorante..rsrs

 

FOI UM ANO DE TESTES, ATÉ QUE FINALMENTE CHEGUEI NA FÓRMULA IDEAL...

 

O período de transição de um anti-transpirante para o meu desodorante natural foi feito aos poucos, fui intercalando com o antitranspirante nas primeiras semanas até pegar confiança, mas essa transição não durou nem um mês. Já comecei a passar só o meu Desodorante.

 

Hoje já tem mais de um ano que só utilizo o meu Desodorante Natural e estou super feliz e completamente adaptada.

 

Mas, você deve estar pensando:  é claro que ela não iria falar mal do desodorante que ela mesmo fez, não é mesmo?!rsrs

Vou mostrar o depoimento das minhas clientes que não me deixam mentir...

Foto: Depoimento cliente Le Fruit 

Foto: Depoimento cliente Le Fruit 

E, agora, vou mostrar para vocês o meu desodorante!

Foto: Desodorante de Uva Verde Le fruit Cosmetics 

Esse aqui é o meu queridinho, o primeiro cosmético formulado inteiramente por mim.

 

  • Axila livre de irritação;
  • Livre do mal cheiro;
  • Você pode levar na bolsa e reaplicar;
  • Embalagem de vidro;
  • Não testamos e nem temos ingredientes de origem animal;
  • Rende dois meses aplicando duas vezes ao dia;
  • Feito no Brasil; 
  • Natural;
  • Composição exclusiva.

-

Venha fazer o movimento para uma beleza saudável, natural, vegana e livre de crueldade.

Uma beleza natural livre de componentes tóxicos que tanto fazem mal a nós mulheres.

Beijos, Isa!

 

Referências Bibliográficas:
MANDRIOTA, Stefano. L'innocuité des sels d'aluminium sur les cellules mammaires contestée. Genebra, 2012. Disponível em: https://www.unige.ch/communication/communiques/2012/cdp120106/
************
GADERNAL, Isabel. Especialistas alertam para o uso seguro de desodorantes.São Paulo, 2014. Disponível em: https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2014/05/23/especialistas-alertam-para-o-uso-seguro-de-desodorantes.
***********
NASCIMENTO, Ludmila et al . Aspectos atuais sobre a segurança no uso de produtos antitranspirantes contendo derivados de alumínio. Porto Alegre, 2004. Disponível em: http://www2.cff.org.br/sistemas/geral/revista/pdf/79/20-aspectos.pdf

1 comentário

  • Comecei a acompanha a Isa e a ale Fruit pelo Instagram antes mesmo do lançamento dos produtos… logo após serem lançados pedi o meu desodorante e meu hidratante, amei os dois! Mas o meu caso de amor maior é o desodorante!! Moro em Salvador calor o ano inteiro e a frutinha dá conta do recado, no início reaplicava sempre, agora quase nunca! E olha que sou calorenta e transpiro muito!! Não troca o desodorante da Le Fruit por nada!!! Obrigada Isa!!🥰

    Fabiana Fontes

Deixe um comentário

Nome .
.
Mensagem .