Alimentos que Diminuem a Oleosidade da Pele

Olá meninas!



Em certo nível, a oleosidade da pele é normal, mas, eu sei, ela incomoda muito. Afinal, ninguém gosta daquela sensação melada que fica na cútis e do brilho exagerado.


Mas, se fosse só o brilho, até dava para aguentar… O maior problema é que, junto com a produção exagerada de sebo, a oleosidade quando não tratada pode causar o desenvolvimento dos temidos e detestados cravos e espinhas...


Incômodo, não é mesmo, meninas?! É por isso que eu recebo muitas perguntas sobre como controlar o sebo, quais os produtos e cuidados certos com esse tipo de cútis e quais os alimentos que diminuem a oleosidade da pele.  E, pensando nisso, eu resolvi juntar todos esses questionamentos e respondê-los um a um, para ajudar vocês a cuidar e minimizar naturalmente a oleosidade e seus efeitos.


Então, caso alguma de vocês esteja sofrendo com isso, chegou a hora de sentar em um local confortável, separar o material para anotação e continuar a leitura! Bora lá?!


O que fazer para diminuir a oleosidade do rosto?


A pergunta que eu mais recebo é essa: “o que fazer para diminuir a oleosidade do rosto?”. Por sua vez,meninas, a resposta é um pouco complexa, pois vários fatores podem estar causando esse aumento na produção do sebo. Mas, nada de desânimo, pois algumas atitudes podem, sim, diminuir essa oleosidade e, ainda, evitar a formação das espinhas. 


E, eu vou dar três dicas básicas que fazem toda a diferença:


Mantenha a pele limpa


Vocês já ouviram que lavar o rosto demais pode fazer com que a oleosidade aumente? Isso é verdade, mas não significa que a pele deve ficar suja. Até porque, ambos os extremos aumentam a produção de sebo.


Assim, o indicado é lavar o rosto duas vezes ao dia durante a realização da rotina de cuidados matinal e noturna para remover resíduos, maquiagens, sujeira e, até mesmo, a oleosidade presente naquele momento. Agora, se você não possui uma rotina de cuidados estabelecida e não sabe como fazer, nós temos um Guia Completo de Cuidados e Dicas, onde eu ensino os cuidados básicos para uma pele com acne e oleosa.


Nunca durma com maquiagem


Atualmente, com a pandemia, o hábito de chegar em casa, trocar de roupas, tomar banho e lavar o rosto se tornou uma obrigação. Contudo, mesmo trabalhando em casa, é preciso lavar o rosto e remover, completamente, a maquiagem antes de dormir. Os resíduos das maquiagens, acabam por obstruir os poros, causando um aumento na oleosidade da pele e favorecendo a formação de cravos e de espinhas.


Vale a pena investir uns 5 minutinhos e remover toda a make, né meninas?!


Lembre de manter a pele hidratada


Depois de limpar a skin, não queremos perder aquela sensação de frescor, não é mesmo?! É por isso que muitas pessoas evitam a aplicação de cremes hidratantes… O problema é que isso pode causar, justamente, o contrário: é o famoso efeito rebote.


O segredo, meninas, é apostar em produtos que serão rapidamente absorvidos pela skin e que podem ser usados por todos os tipos de pele, como o nosso Hidratante Antioxidante Hibisco e Framboesa. Com uma textura leve, nutre e hidrata profundamente a cútis, protegendo contra o ressecamento que causa o efeito rebote, além de não deixar aquela sensação grudenta.


O que ajuda a controlar a oleosidade da pele?


Outra dica de produto que auxilia no controle e diminuição da oleosidade é a utilização, pelo menos uma vez por semana, das máscaras de tratamento com argila verde, como a Máscara Facial Purificante Hortelã. Ela limpa profundamente a pele, desobstruindo e suavizando os poros, além de equilibrar a oleosidade, regular a produção do sebo e dar aquele efeito matte tão desejado por quem sofre com a oleosidade excessiva.


O que comer para diminuir as espinhas?


A alimentação faz toda a diferença em nossa vida e isso inclui a nossa pele. Dessa forma, existem alguns tipos de alimentos que ajudam, sim, a diminuir e a controlar a produção do sebo da skin. São eles:


Vitaminas A, C e E

Presentes em alimentos como cenoura, laranja e mamão as vitaminas A, C e E são poderosos antioxidantes que ajudam a equilibrar a produção do sebo. Vale a pena incluir no cardápio do dia a dia, garotas.


Zinco


Vocês sabiam que uma dieta pobre em zinco pode causar a inflamação da pele, estimulando a oleosidade e o desenvolvimento de espinhas? É verdade! Por isso, inclua alimentos como sementes de abóbora, amendoim e amêndoas no dia a dia, eles são ótimas fontes de zinco.


Ômega-3


Melhora a circulação, estimula a renovação celular, ajuda na cicatrização da pele e previne a formação de novas espinhas. Esses são alguns dos benefícios de incluir alimentos ricos em ômega-3 em sua dieta. Vocês podem encontrar essa importante substância em alimentos como chia, linhaça, castanhas, azeite e abacate. Ótimas opções, não é mesmo,meninas?!


O que aumenta a oleosidade da pele?


Como existem alimentos que diminuem a oleosidade da pele, existem aqueles que aumentam a produção do sebo. Vocês conseguem adivinhar quais são?


Pois é, são aqueles que a nossa TPM, geralmente, exige: ricos em açúcar, em farinha branca e gorduras ruins. Eles podem ser maravilhosos na boca,meninas, mas, no organismo, esses alimentos possuem um alto índice glicêmico, o que aumenta a oleosidade e, ainda, nos fazem ganhar peso.


Assim, meninas, evitem doces em geral, refrigerantes, sucos industrializados, achocolatados em pó, pão branco, bolos e biscoitos, etc. Isso não significa que vocês não possam comer, mas devem dosar e evitar o excesso. 


Além disso, quando a vontade de um docinho bater, existem várias receitas de brigadeiros saudáveis que são maravilhosos. Eu ensinei, há um tempo, uma receita prática e rápida que é uma delícia. Vocês já testaram? Não? Clique aqui e acesse minha dica especial de Brigadeiro Zero Açúcar: Como fazer simples sem panela!


E então, meninas, eu consegui responder todas as dúvidas de vocês? Espero que sim. Mas, caso contrário, deixem os questionamentos nos comentários e eu respondo para vocês, aqui ou no nosso instagram (@lefruitcosmetic).


Beijos, Isa!

Deixe um comentário

Nome .
.
Mensagem .