Óleos Naturais para Cabelo: Descubra o Poder!

Olá meninas!


Hoje eu quero perguntar algo muito importante: quais os produtos que vocês usam para cuidar das madeixas? Já pensaram em incluir os óleos naturais na rotina de cuidado com os cabelos?


Vocês sabem, meninas, que eu amo produtos naturais, afinal, eles cuidam da nossa estética e da nossa saúde, além de não causar prejuízos ao nosso planeta. E, é por isso que eu sempre incentivo mudanças de hábitos e separo dicas e receitinhas fáceis e naturais. Foi pensando nisso que eu resolvi falar da saúde dos nossos cabelos e de como esses produtinhos, que são naturais, podem fazer milagres pelos nossos fios.


Então, se assim como eu, vocês buscam soluções saudáveis e eficientes para cuidar dos cabelos, continuem a leitura! Eu separei muita informação incrível sobre os poderosos óleos naturais para cabelos crespos, lisos ou ressecados. Bora lá?!


Óleos naturais para cabelo

Antes de sair aplicando qualquer coisa no nosso corpo, é preciso entender o que é e como funciona. Então, saibam, garotas, que os óleos naturais para cabelo são feitos a partir de ervas, de flores, de espinhos, de árvores e de vegetais. Eles concentram a essência dessas plantas e, além do tratamento para o cabelo, podem ser usadas na aromaterapia, nas massagens, nos banhos de ervas, nos escalda pés, etc.


Por, justamente, concentrarem muitos princípios ativos e nutrientes, ao serem aplicados nas madeixas, os óleos naturais acabam por nutrir e repor a umidade dos fios, deixando-os mais saudáveis, mais macios e reduzindo o frizz.


Óleos naturais para cabelo benefícios

Além de nutrir os fios, os óleos naturais trazem outros benefícios. Como:


  • Potencializam o tratamento de reconstrução capilar;
  • Possuem propriedades terapêuticas;
  • Por serem ricos em antioxidantes, ajudam a melhorar o fluxo sanguíneo no local;
  • Auxiliam em tratamentos capilares, como, por exemplo, dermatite seborréica, calvície e oleosidade excessiva;
  • Com o grande poder de hidratação, os óleos conseguem eliminar as pontas duplas.

Só por esses benefícios já dá vontade de começar a investir nos óleos naturais para cabelo, não é mesmo amores?!


Quais óleos usar no cabelo?

Agora se vocês estão se perguntando quais os melhores tipos de óleos naturais para cabelos, a resposta dependerá do objetivo de cada uma de vocês. Isso porque existem vários tipos de óleos que, consequentemente, possuem diferentes tipos de nutrientes e princípios ativos para os cabelos. 


Contudo, para ajudar vocês, meninas, eu separei dicas dos tipos mais procurados. Confiram:


Qual o melhor óleo para dar brilho aos cabelos?

Se o seu cabelo está seco, cheio de frizz e sem brilho, o óleo natural de coco pode ser a solução. Afinal, amores, ele possui diversos nutrientes, como a vitamina E, que ao penetrar na cutícula do fio, hidratam e nutrem profundamente, proporcionando aquele brilho que amamos!


Óleo para cabelo ressecado

Seja pelo clima, pela estrutura do fio ou pelo uso de produtos químicos, em algum momento o cabelo vai ficar com aquele aspecto mais ressecado. Nesses casos, o Óleo de Argan é o seu melhor amigo. 


Rico nas vitaminas A, D e E, além de antioxidantes e ácidos graxos, esse poderoso produto nutre e hidrata profundamente o cabelo, deixando-os mais sedosos, macios e brilhantes. Uma maravilha, não acham?!


Óleos naturais para cabelos cacheados

Por possuírem um grande potencial de nutrição e hidratação, as duas opções de óleos naturais já citados podem ser usadas por pessoas que possuem o cabelo cacheado e crespo. Afinal, a estrutura do fio tende a ser mais seca. Mas, quando falamos estritamente desse tipo de cabelo, o Óleo Natural de Amêndoas é muito indicado.


Com as vitaminas A, B1, B2, B6, E e D, além dos ácidos graxos,  o óleo natural de amêndoas fortalece as cutículas do cabelo, fazendo com que os fios fiquem mais hidratados e cresçam mais grossos e fortes.


Óleos naturais para cabelo liso

Mesmo que o uso dos óleos naturais seja mais popular entre as pessoas com cabelos cacheados, as madeixas lisas, também, precisam desse cuidado. Afinal, eles também possuem frizz e sofrem com a perda da água e, principalmente, das altas temperaturas com secadores, chapinhas, etc.


Mas, se vocês possuem cabelos mais oleosos e estão com receio que a situação se agrave com o uso dos óleos, a dica é investir nos tipos certos, como a semente de uva, de jojoba, de hortelã pimenta ou alecrim, que são mais leves e proporcionam uma refrescância ao couro cabeludo.Os demais tipos (que eu citei neste artigo) podem até ser usados, porém, não próximo da raiz, somente nas pontas e extensão do fio.


Óleos naturais para crescer cabelos

Se o seu cabelo parou no tempo e não cresce mais, os óleos naturais de alecrim, de cedro e de hortelã pimenta podem ajudar a estimular o desenvolvimento dos fios. Além disso, cada um possui diferentes propriedades que podem trazer brilho e ajudar a diminuir a oleosidade do fio. Um sonho, né amores?!


Como fazer óleo natural para o cabelo?

Se vocês gostam das dicas de como produzir seus próprios cremes e máscaras sozinhas, usando o que possuem na cozinha de casa, eu vou ensinar uma receita bem fácil de como fazer óleo natural de coco. Bora lá?!


Vocês vão precisar de:

  • 3 cocos;
  • 3 xícaras de água de coco;
  • Um liquidificador;
  • Uma peneira;
  • Um pano de prato.

Como preparar o óleo natural de coco:

Em primeiro lugar, meninas, vocês devem descascar os cocos. Depois, pique-os em pedaços pequenos e leve ao liquidificador. Acrescente as três xícaras de água de coco e bata tudo.


Quando a mistura ficar homogênea, peguem a peneira para coar o líquido. Coloque-o em uma panela e levem ao fogo, fervendo até que a água evapore e fique somente o óleo natural.


E então, meninas, gostaram das dicas e informações? Espero que elas tenham sido úteis para cada uma de vocês. Querem saber como usar os óleos essenciais na pele do rosto? Cliquem aqui e confiram meu texto especial sobre este poderoso tratamento.


Beijos, Isa!

Deixe um comentário

Nome .
.
Mensagem .