Cosméticos Tóxicos: Você Sabia Disso?

Hello, amores!


Diariamente temos o costume de utilizar uma série de produtinhos vitais para nosso autocuidado, como cremes hidratantes, shampoos, desodorantes e uma porção de outros cosméticos. Mas vocês já tiveram a curiosidade de ler os rótulos de todos esses produtos? Caso ainda não tenham feito, saibam que esse costume pode ajudar bastante na prevenção de doenças e na proteção ao meio ambiente. E, por quê?


Infelizmente a maioria desses produtos fazem parte de uma imensa gama de cosméticos tóxicos, que apresentam substâncias perigosas em suas fórmulas. Por isso, meninas, nesse artigo irei detalhar quais as principais substâncias tóxicas, os perigos de se consumir esses cosméticos e quais os benefícios do consumo de produtos naturais e veganos. Bora lá?

Cosméticos Tóxicos

É inegável que o mercado convencional, a cada ano que passa, se empenha para que os cosméticos sejam preparados de forma a terem mais qualidade e efeitos satisfatórios (quase “milagrosos”). A grande questão é que, para ter esses resultados são adicionados ingredientes perigosos sem uma regulamentação apropriada. 


Em geral, não há indícios de que provoquem danos à saúde no período de utilização. Por esse motivo, as agências regulamentadoras (como a ANVISA) consideram que a quantidade de substâncias tóxicas não são prejudiciais. Logo, algumas empresas — muitas que praticam o greenwashing —, ignoram a necessidade de que os rótulos dos produtos sejam mais claros quanto aos seus possíveis efeitos nocivos (afinal, o lucro fala mais alto). 


Ainda que a comercialização desses cosméticos seja aprovada, isso não garante que serão sempre seguros ou não possam contribuir para efeitos negativos a longo prazo. Dos poucos estudos que foram realizados, amores, foi descoberta a relação entre o uso de cosméticos a longo prazo e o desenvolvimento de doenças crônicas e/ou bastante graves. 

Substâncias Tóxicas dos Cosméticos

A dica, meninas, é termos ciência de quais são essas terríveis substâncias, seus efeitos e o que fazer para evitar possíveis doenças e/ou prejuízos ao meio ambiente. Dentre a extensa lista de componentes tóxicos em maquiagens e cosméticos convencionais, eu listei alguns dos mais problemáticos: 

Parabenos

Para que não haja a proliferação de fungos e bactérias em seu conteúdos, as fórmulas de cerca de 87% dos cosméticos tradicionais utilizam os Parabenos como conservantes. Além disso, as marcas dão preferência a eles, em específico, pois costumam ter um custo baixo. Podem ser encontrados em praticamente todos os cosméticos, produtos alimentícios e medicamentos.

Ftalatos

Compostos químicos que funcionam como solventes e plastificantes, ou seja, tornam a textura de plásticos rígidos mais maleáveis. No caso dos cosméticos, essa substância age como um fixador (de cores e odores). Podem ser encontrados em perfumes, desodorantes, shampoos, cremes hidratantes.

Sulfatos

São as substâncias responsáveis por formar a espuma, permitindo a maior distribuição do cosmético no corpo. Podem ser encontrados em produtos como sabonetes e shampoos. 

Triclosan

É uma substância com função antibacteriana. Pode ser encontrado em cosméticos voltados para a higiene, como cremes dentais, shampoos e sabonetes.

Petrolatos

Substâncias derivadas do petróleo, com função emoliente. Como o parabeno, têm um baixo custo. Podem ser encontrados em cosméticos como maquiagens, hidratantes corporais, shampoos e condicionadores.

Metais Pesados

Esses elementos podem ser encontrados na maioria dos cosméticos voltados para a pele e cabelos. Dentre eles, o chumbo (presente em maquiagens e tinturas para cabelo), o mercúrio (presente em máscaras faciais) e o alumínio ou cloridrato de alumínio, que pode ser encontrado em desodorantes e antitranspirantes.

Cosméticos Inflamáveis

Além de tóxicas, algumas substâncias são também inflamáveis: caso aquecidas, produzem vapores inflamáveis. Dentre elas estão:

Propilenoglicol

Álcool que está presente na maioria dos cosméticos por ser um excelente emoliente e solvente. 

Formaldeídos

Conservante produzido a partir do metanol, um tipo de álcool bastante prejudicial ao meio ambiente e à saúde.

Toluenos

Derivados do petróleo, também funcionam como solventes para produtos de cabelo  e esmaltes.

Intoxicação por Cosméticos

Como mencionei anteriormente nesse artigo, as consequências à saúde pelo uso de cosméticos tóxicos (a longo prazo) vão desde patologias tópicas (como crises alérgicas) até doenças mais graves, como câncer. 


Para vocês entenderem melhor, produtos contendo Propilenoglicol, por exemplo, são bastante alergênicos: podem causar várias irritações cutâneas, como dermatites e urticárias. Cosméticos com Ftalatos podem gerar efeitos nocivos na fertilidade masculina. 


Já o uso de produtos com Parabenos  criam possíveis chances de alterar o metabolismo de hormônios e glândulas, além de estarem fortemente associados à formação de quadros cancerígenos. O próprio Cloridrato de Alumínio, presente em desodorantes aerossóis, tem uma relação gigantesca com o câncer de mama. É de deixar os cabelos em pé, não é, meninas? 

Cosméticos Tóxicos são Poluentes

Além da possibilidade de fazer mal à saúde, também são nocivos ao meio ambiente. Alguns cosméticos são altamente poluentes, por apresentarem pequenas partículas de plástico em sua fórmula. O impacto é como um efeito dominó: os cosméticos tóxicos que foram utilizados vão para os ralos, fluem pelos esgotos e podem chegar aos oceanos e rios. Já na água, essas substâncias serão ingeridas por animais, que provavelmente, poderão se tornar alimento.


Só nesse ciclo, amores, diversos ecossistemas foram afetados. Por isso é tão necessário lembrar que: o que consumimos afeta TUDO à nossa volta.

Como evitar os Cosméticos Tóxicos

Para evitar as reações tóxicas do uso desse tipo de cosméticos, é importantíssimo ler o rótulo desses produtos, saber quais são seus danos e, se possível, não utilizá-los. A boa notícia é que existem alternativas mais saudáveis, ecologicamente responsáveis e em conta.


Cada vez mais, pequenas e grandes empresas comercializam produtos totalmente naturais, veganos e cruelty free. Nós da Le Fruit Cosmetics, por exemplo, temos orgulho de trabalhar com produtos que promovem um consumo saudável e consciente. Confira aqui toda a nossa linha Le Fruit de cosméticos! É possível também preparar os próprios cosméticos naturais, com ingredientes caseiros e de fácil acesso. Afinal quanto mais natural, melhor, não é mesmo, amores? 

Foto: Le Fruit, cosméticos que alimentam a pele. 

 

2 comentários

  • Conheci a marca em abril comecei a fazer o uso em Maio e só tenho a agradecer pela existência dessa marca. O cuidado com o planeta desde o meio ambiente aos humanos.
    Produtos de altíssima qualidade, excelente durabilidade e preço justo!
    É uma pena não ser acessível pra todos os seres do planeta!
    Amo as dicas que recebo por e-mail e aprendo cada dia mais.
    Desejo vida longa a marca desde ampliação de horizontes como cremes de massagem, shampoo, condicionador, maquiagens, esmaltes, tudo mesmo!
    Eu amo a Le Fruit, Excelente para se presentear e presentear outras pessoas.
    Gratidão e vida longa!

    Danieli Gregório
  • Nesta pandemia aprendi muito sobre cuidados com o corpo com os produtos naturais e pretendo fazer essa transição o mais breve possível.
    Obrigada por compartilhar conhecimento.

    Maria de Jesus Diniz Vieira

Deixe um comentário

Nome .
.
Mensagem .